Agronegócio

CNA realiza workshop sobre mercado financeiro para o comércio exterior

Publicados

em


Brasília (13/05/2021) – A Confederação da Agricultura e Pecuária (CNA) realizou o primeiro encontro do workshop “Descomplicado o mercado financeiro para o comércio exterior” na quarta (12). A iniciativa faz parte do projeto Agro.BR, uma parceria da CNA com a Apex-Brasil para a internacionalização de pequenos e médios negócios rurais.

O tema do evento foi “Modalidades de pagamentos internacionais” e a principal atração foi uma palestra do gerente de Negócios Internacionais do Banco do Brasil, em Mato Grosso do Sul, Luiz Gonzaga.

Ele fez uma apresentação sobre aspectos que influenciam na escolha da modalidade – grau de confiança entre as partes e condições de mercado –, pagamento antecipado, remessa direta de documentos, cobrança documentária e carta de crédito.

“O comércio exterior é muito mais simples do que parece e não é só para grandes empresas. Temos muitas micro e pequenas empresas que operam no mercado internacional. É muito mais fácil, acessível e descomplicado do que se possa imaginar, além de ser tranquilo e seguro”, afirmou Gonzaga.

O treinamento foi mediado pela consultora do Agro.BR em Mato Grosso do Sul, Nathália Alves, e também contou com a participação da gestora do projeto e coordenadora de Promoção Comercial da CNA, Camila Sande, e do assessor técnico de exportação da CNA, Rodrigo da Matta.

Leia Também:  Após curso do SENAR MINAS, produção de cogumelos aumenta 233%

“O trabalho do Banco do Brasil é muito importante para facilitar e viabilizar financiamentos e pagamentos entre exportadores e importadores. A instituição tem toda legitimidade e pode ser uma facilitadora nessas questões”, disse Camila.

O workshop continua hoje (13) com o tema “Financiamentos à exportação e mecanismos de proteção financeira”.

Assessoria de Comunicação CNA
Telefone: (61) 2109-1419
flickr.com/photos/canaldoprodutor
twitter.com/SistemaCNA
facebook.com/SistemaCNA
instagram.com/SistemaCNA
facebook.com/SENARBrasil
youtube.com/agrofortebrasilforte

Fonte: CNA Brasil

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Agronegócio

Live do Senar-RS tira dúvidas de produtores rurais sobre eSocial e CAEPF

Publicados

em


São várias as obrigações do produtor rural junto à Receita Federal e, não raro, surgem dúvidas a respeito das informações a serem prestadas ao Fisco. Para ajudar a sanar essas dúvidas, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar-RS) vem realizando uma série de lives com palestras relacionadas à tributação. 

A próxima será na próxima quinta-feira (17), às 9h, no canal do Senar-RS do YouTube. O evento terá como temas o Sistema de Escrituração Digital das Obrigações Fiscais, Previdenciárias e Trabalhistas (e-Social) e a inscrição no Cadastro de Atividade Econômica de Pessoa Física (CAEPF). 

O programa será apresentado pelo analista de arrecadação do Senar-RS Fabio Ramon Baldessar, e contará com a participação do auditor fiscal da Receita Federal, Claudio Maia, e do analista tributário Marcos Timm. Eles vão esclarecer dúvidas sobre a entrega das informações ao eSocial e a inscrição no CAEPF, que segundo Baldessar, são ou estão envolvidos em obrigações recentes da vida do produtor rural.

“O eSocial está sendo implantado por fases, desde 2017. Em 2018, iniciou a fase do 3º grupo, que compreende os produtores rurais. E a partir de 10 de maio, esse grupo passou a enviar [à Receita Federal] as informações relativas à folha de pagamento. A nossa palestra vai tratar basicamente disso, o envio de informações sobre a folha e, por conta do Senar, do envio de informações sobre a comercialização da produção rural”, antecipa Baldessar.

Leia Também:  Após curso do SENAR MINAS, produção de cogumelos aumenta 233%

Já o Cadastro de Atividade Econômica da Pessoa Física (Caepf) passou a vigorar a partir de 15 de janeiro de 2019, em substituição a matrícula CEI, o Cadastro Especifico do INSS. 

“O Caepf serve para que o produtor tenha um cadastro para seus contratos de parceria, serve também para cadastrar quando tem mais de uma propriedade rural, e esse número será utilizado no Livro Caixa Digital do Produtor Rural. Por isso, a importância da parceria com a Receita Federal na orientação desse público”, explica o analista de arrecadação.


LIVE – Palestra sobre eSocial e CAEPF

Quando: quinta-feira, 17 de junho, 9h

Onde: Canal do Senar no YouTube (www.youtube.com/SenarRioGrande… 

  • Claudio Maia – Auditor Fiscal da Receita Federal
  • Marcos Timm – Analista Tributário da Receita Federal
  • Fabio Ramon Baldessar – Analista de Arrecadação do Senar-RS (apresentador)

*Esse texto pode ser livremente reproduzido mediante crédito a Senar-RS/Padrinho Conteúdo

Fonte: CNA Brasil

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA