Política

Candidatos arrecadam mais de R$ 100 mil

Publicado em

Por | 00.00.

Fotos: Divulgação

Os candidatos a prefeito de Cachoeiro de Itapemirim, Braz Barros (PT) – ex-secretário de Obras – e o empresário Vitor Coelho (PSB), superaram a marca dos R$ 100 mil na arrecadação da campanha. Na receita do socialista, quase 90% é oriundo do Fundo Partidário; já na do petista, 100% é fruto de doação de pessoas físicas, conforme os dois declararam ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

 

Vitor Coelho declarou que R$ 18,6 mil, que integra o total de sua arrecadação de campanha até o dia 17 deste mês, vieram de doações de pessoas físicas. De despesa contratada, Coelho tem R$ 123.905,00. Braz Barros contratou R$ 142,4 mil.

 

O ex-vice-prefeito Jathir Moreira (SD) informou receita de R$ 18 mil, sendo R$ 8,5 mil de doações e R$ 9,5 mil, do próprio bolso. Ele contratou R$ 51.760,00 para a campanha. O presidente da Câmara Municipal, Julio Ferrari (PMDB), recebeu doação de R$ 1 mil e contratou R$ 392.

 

Leia Também:  Presidente da Câmara de Castelo vai fazer cortes de 20%, inclusive nos salários dos vereadores

O empresário Lazaro (PSL) informou receita de R$ 50 mil investidos com recursos próprios e já contratou para a campanha no valor de R$ 23.415,70. O deputado Marcos Mansur (PSDB) declarou receita de R$ 36.050,00, dos quais R$ 26 mil são procedentes do Fundo Partidário e o restante (R$ 10.050,00) de recursos próprios. Até o dia 16, Mansur informou gasto de R$ 15.962,50.

 

Professor Jonathan (Rede) declarou ter de receita para a campanha R$ 8 mil depositados por ele mesmo e contratou R$ 33.646,78. O ex-secretário de Serviços Urbanos, Romario do PV, recebeu R$ 30 mil de doação de pessoa física e informou despesa de R$ 32,3 mil. O limite de gastos em Cachoeiro, de acordo com a legislação eleitoral, é de R$ 882.893,29.

 

 

 fonte www.jornalfato.com.b

 

 

COMENTE ABAIXO:

Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cidades

Prefeito de Marataízes exonera quatro secretários municipais e mais 15 comissionados

Published

on

O prefeito em exercício de Marataízes, Jaiminho Machado, exonerou, em uma canetada só, quatro secretários municipais.

A lista foi publicada no diário oficial desta sexta-feira (12).

Além deles, consta na lista João Antonio Neto, o Joãozinho, gerente de gestão, que estava lotado no gabinete e também já exerceu cargo em primeiro escalão.

Em importância menor dentro da escala administrativa, também foram exoneradas outras 15 pessoas, entre diretores e outros.

Todos os nomes exonerados foram nomeados pelo então prefeito afastado Tininho Batista e eram colaboradores desde o seu primeiro mandato como prefeito.

Um dos secretários exonerados é Robson Abreu Silva que respondia por três secretarias.

Confira os secretários exonerados:

ANDERSON GOUVEIA DE OLIVEIRA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE DEFESA SOCIAL E SEGURANÇA PATRIMONIAL

ROBSON SEYR – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER

ANTÔNIO CARLOS SADER SANT’ANNA –  SECRETÁRIO MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE PESCA E AQUICULTURA

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE INFRAESTRUTURA DE INTERIOR

Leia Também:  Vereador Brunão defende aumento de ticket e salário para servidores de Presidente kennedy

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE AGRICULTURA, AGROPECUÁRIA E ABASTECIMENTO

JOÃO ANTONIO NETO – GERENTE DE GESTÃO ADMINISTRATIVA

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA