Economia

Câmera flagra cliente arrancar cabelo e colocar em lanche; vendedor era careca

Publicados

em


source
cliente arrancou cabelo para colocar no lanche
Reprodução/RPC

Câmera de lanchonete flagrou mulher arrancar seus cabelos para colocar no lanche e ganhar outro de graça

Careca, o dono de uma banca de lanches em Mandaguaçu, no norte do Paraná, se surpreendeu quando uma cliente reclamou da presença de cabelos em seu pedido. O vendedor fez um novo lanche a ela, que só pagou pelo segundo, mas com a situação inusitada, resolveu checar as imagens da câmera do local, e elas mostram a mulher arrancar o próprio cabelo e colocar em seu cachorro-quente antes da reclamação.

Após arrancar deliberadamente o seu cabelo e colocar no lanche, a cliente se dirigiu ao caixa para relatar que havia encontrado cabelo em seu lanche e pedir um novo cachorro-quente como compensação pelo ocorrido, que aconteceu na noite de terça-feira (11). Porém, seu pedido havia sido feito justamento pelo empresário e vendedor, que é dono da banca de lanches e careca.

Leia Também:  Falência de CPNJ? Ano é marcado por mais aberturas que fechamentos de empresas

Ao mostrar o cabelo e pedir por um novo lanche, a cliente já havia comido quase todo o seu cachorro-quente . Ainda assim, o comerciante fez um outro sanduíche para ela, que comeu tudo e pagou somente pelo segundo.

vendedor careca cabelo no lanche
Reprodução/RPC

Vendedor careca se surpreendeu com reclamação de cabelo em lanche feito por cliente

O vendedor disse que a reclamação o surpreendeu, já que, além de ser careca, ele ainda trabalha com boné ou proteção na cabeça. Segundo ele, só conseguiu entender de fato o lamentável ocorrido quando resolveu conferir as imagens de sua câmera.

Em entrevista à RPC, o empresário disse perdoar a cliente, apesar de lamentar a situação. “Eu acho que deu na cabeça dela: ‘cara, eu não vou pagar esse lanche’. A atitude que ela fez eu perdoo, mas é lamentável. Espero que ela não faça novamente”, disse. “Se você estiver por aqui, venha pagar o lanche que você comeu. É o certo, né”, completou.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Auxílio emergencial: Caixa deposita R$ 600 para 4 milhões de nascidos em julho

Publicados

em


source

Agência Brasil

fila em agência da caixa para atendimento do auxílio emergencial
Fenae

Caixa deposita R$ 600 do auxílio emergencial a 4 milhões de integrantes do Ciclo 2 nesta sexta

A Caixa Econômica Federal paga nesta sexta-feira (18) o  auxílio emergencial para 4 milhões de beneficiários nascidos em julho. O pagamento faz parte do Ciclo 2, que começou pelos beneficiários nascidos em janeiro, no dia 28 de agosto. Essa etapa de pagamentos vai até 27 de outubro.

Neste ciclo de pagamentos do auxílio emergencial , três grupos foram incluídos: trabalhadores que fizeram o cadastro nas agências dos Correios entre 2 de junho e 8 de julho; trabalhadores que fizeram a contestação pelo site da Caixa ou App Caixa Auxílio Emergencial de 3 de julho a 16 de agosto e foram considerados elegíveis; e beneficiários que tenham recebido a primeira parcela em meses anteriores, mas que tiveram o benefício reavaliado em agosto.

Leia Também:  Instituto Êxito e Unesco capacitam jovens de escolas públicas

No caso das reavaliações, o benefício foi liberado novamente para 148 mil pessoas. Os recursos podem ser movimentados por meio do aplicativo Caixa Tem . Com ele, é possível pagar boletos e fazer compras na internet e nas maquininhas em mais de 1 milhão de estabelecimentos comerciais.

O calendário de pagamentos do auxílio emergencial é organizado em ciclos de crédito em conta poupança social digital e de saque em espécie. Os beneficiários recebem a parcela a que têm direito no período de acordo com o mês de nascimento. Para os beneficiários nascidos em julho, os saques e transferências serão liberados no dia 8 de outubro.

Confira os calendários de depósitos e saques para o Ciclo 2

Depósitos:

  • 28 de agosto – nascidos em janeiro;
  • 2 de setembro – nascidos em fevereiro;
  • 4 de setembro – nascidos em março;
  • 9 de setembro – nascidos em abril;
  • 11 de setembro – nascidos em maio;
  • 16 de setembro – nascidos em junho;
  • 18 de setembro – nascidos em julho;
  • 23 de setembro – nascidos em agosto;
  • 25 de setembro – nascidos em setembro;
  • 28 de setembro – nascidos em outubro e novembro; e
  • 30 de setembro – nascidos em dezembro.
Leia Também:  De Sepultura a Shaman: documentário aborda desafios da música durante a pandemia

Saques e transferências:

  • 19 de setembro – nascidos em janeiro;
  • 22 de setembro – nascidos em fevereiro;
  • 29 de setembro – nascidos em março;
  • 1º de outubro – nascidos em abril;
  • 3 de outubro – nascidos em maio;
  • 6 de outubro – nascidos em junho;
  • 8 de outubro – nascidos em julho;
  • 13 de outubro – nascidos em agosto;
  • 15 de outubro – nascidos em setembro;
  • 20 de outubro – nascidos em outubro;
  • 22 de outubro – nascidos em novembro; e
  • 27 de outubro – nascidos em dezembro.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA