Cidades

Câmara de Castelo aprova por unanimidade o Programa Barraginhas

Publicado em

Foto: SEAMA (Governo do Espirito Santo)

Na última terça-feira (28) a Câmara de Castelo deu um passo importante para auxiliar o produtor rural e também minimizar o impacto das águas nas cheias do rio que corta o município.

Aprovado por todos os vereadores, o Projeto de Lei de iniciativa do vereador Warlen César Bortoli (PRB), conhecido por Vermelho, cria o Programa Barraginhas, cujo objetivo é represar água da chuva, que beneficia a produção e promove a conservação do meio ambiente.

De acordo com o vereador Vermelho, existem várias experiências implementadas pelo Incaper/ES, como no município de Atilio Vivácqua, que comprovam a eficácia das barraguinhas:

“Funciona mesmo. Daí a nossa iniciativa de fazer esse projeto permitindo que a prefeitura de Castelo busque a parceria com o governo estadual e comece a implantar rapidamente. Se iniciar agora, no próximo período de chuva já poderemos ver o benefício em cadeia, tanto para os produtores rurais quanto para amenizar as cheias do rio Castelo”, disse.

Como Funciona

As Barraginhas são pequenas bacias escavadas em áreas de enxurradas, e agem como caixas de retenção que evitam as perdas de água, permitem a infiltração no solo e garantem o abastecimento do lençol freático. Ao conter as enxurradas, as barraginhas reduzem a erosão, o assoreamento e amenizam as enchentes.

Leia Também:  Combustíveis: Mourão apoia uso de royalties e dividendos para subsídio

Ao colher a água da chuva, essas barraginhas proporcionam condições para que a água nelas represada se infiltre no solo, atingindo o lençol freático. Depois que a água se infiltra por completo, o lençol freático tem seu volume aumentado e a barraginha está pronta para receber as águas das próximas chuvas.

Esse processo se repetirá sucessivamente em todo o ciclo chuvoso. Com isso, surgem minadouros e cacimbas, e os mananciais mantenedores das nascentes e córregos se fortalecerão.

 

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cidades

Prefeito de Marataízes exonera quatro secretários municipais e mais 15 comissionados

Published

on

O prefeito em exercício de Marataízes, Jaiminho Machado, exonerou, em uma canetada só, quatro secretários municipais.

A lista foi publicada no diário oficial desta sexta-feira (12).

Além deles, consta na lista João Antonio Neto, o Joãozinho, gerente de gestão, que estava lotado no gabinete e também já exerceu cargo em primeiro escalão.

Em importância menor dentro da escala administrativa, também foram exoneradas outras 15 pessoas, entre diretores e outros.

Todos os nomes exonerados foram nomeados pelo então prefeito afastado Tininho Batista e eram colaboradores desde o seu primeiro mandato como prefeito.

Um dos secretários exonerados é Robson Abreu Silva que respondia por três secretarias.

Confira os secretários exonerados:

ANDERSON GOUVEIA DE OLIVEIRA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE DEFESA SOCIAL E SEGURANÇA PATRIMONIAL

ROBSON SEYR – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER

ANTÔNIO CARLOS SADER SANT’ANNA –  SECRETÁRIO MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE PESCA E AQUICULTURA

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE INFRAESTRUTURA DE INTERIOR

Leia Também:  Mais de 15 comunidades de Presidente Kennedy recebem obras da prefeitura 

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE AGRICULTURA, AGROPECUÁRIA E ABASTECIMENTO

JOÃO ANTONIO NETO – GERENTE DE GESTÃO ADMINISTRATIVA

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA