Cidades

Cachoeiro terá mais viagens diárias em seis linhas a partir de segunda (3)

Publicados

em

A partir da próxima segunda-feira (3), mais seis linhas urbanas do transporte coletivo de Cachoeiro de Itapemirim começam a operar com aumento no número de viagens diárias.

A necessidade de ampliação da oferta foi avaliada e autorizada pela Agersa (Agência Municipal de Regulação dos Serviços Públicos Delegados de Cachoeiro de Itapemirim), após acompanhamento da operação e verificação do aumento no número de passageiros.

As linhas que passam a operar com mais viagens diárias são: 030 – Nossa Senhora da Penha X Centro;
053 – Alto Eucalipto X Centro; 017 – Monte Belo X Centro; 010 – São Geraldo X Centro; 011 – Alto União X Centro e 020 – Alto Bela Vista X Centro via Costa e Silva.

De acordo com Vanderley Teodoro de Souza, diretor-presidente da Agersa, a agência reguladora tem avaliado, em conjunto com a concessionária responsável pelo transporte coletivo de Cachoeiro, a ampliação gradual do número de viagens, conforme vem sendo apurado o aumento da demanda de passageiros nos últimos dias.

“A Agersa continua acompanhando a operação diária do transporte coletivo, coleta todas as informações necessárias e, posteriormente, autoriza o aumento de viagens daquelas linhas que apresentam um aumento no número de passageiros, ou seja, estamos trabalhando para adequar a oferta de viagens à demanda de usuários atual”, explica.

Leia Também:  Decreto publicado na madrugada deste sábado pelo prefeito Victor Coelho libera funcionamento de bares em Cachoeiro

Vale lembrar que a mudança é válida para os horários de segunda a sexta-feira. Para conferir todos os novos horários, basta acessar o site da Agersa (agersa.es.gov.br) ou da concessionária Novotrans (novotrans.com.br).

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Cidades

Em Cachoeiro, faixas elevadas vão garantir mais segurança e acessibilidade na Beira Rio

Publicados

em

A Prefeitura de Cachoeiro está instalando faixas elevadas para travessia de pedestres na avenida Beira Rio. De acordo com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Semdurb), o objetivo é garantir mais segurança em pontos onde são altos os índices de atropelamentos, além de melhorar as condições de acessibilidade e mobilidade na região.

A primeira faixa está sendo implantada em frente ao trecho do calçadão onde foi construída, recentemente, uma rampa para facilitar o acesso de pessoas com mobilidade reduzida. A previsão é de que a intervenção seja concluída até esta sexta, com a devida sinalização.

Em seguida, será iniciada a instalação de outra faixa na altura da cabeceira da ponte de pedestres Rosalina Depoli e da entrada da rua Lourival Sales. No local, são registradas, frequentemente, ocorrências de atropelamento, inclusive, com vítimas fatais.

“A faixa elevada é um recurso para induzir a redução da velocidade dos veículos; uma medida de moderação do tráfego – traffic calming, no exterior – que contribui para que o uso compartilhado da via pública seja feito de forma segura para todos, principalmente, para o pedestre, que é o elo mais frágil no sistema de trânsito”, explica o secretário municipal de Desenvolvimento Urbano, Jonei Petri.

Leia Também:  5 provas de que o vira-lata é o melhor cachorro que você pode ter

Outro trecho da Beira Rio que receberá faixa elevada, futuramente, é o que fica em frente à praça de Fátima, próximo ao ponto de parada de ônibus. A intervenção no local, no entanto, está associada à realocação do abrigo de passageiros, a ser feita nos próximos meses.

“Todas essas intervenções fazem parte de um amplo projeto de requalificação da área central de Cachoeiro, que dialoga com o Plano Municipal de Mobilidade Urbana. São ações muito abrangentes, que passam por tratamento das calçadas; melhorias na acessibilidade e nos pontos de ônibus; resolução de pontos de conflito no trânsito; implantação de circuito cicloviário; entre outras medidas importantes para a qualidade de vida da população”, salienta Petri.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA