Política

Brás Zagotto é reeleito presidente da Câmara de Vereadores de Cachoeiro

Publicados

em

O atual presidente da Câmara de Cachoeiro Brás Zagotto (Podemos) foi reeleito pelos colegas para comandar o Legislativo municipal também no biênio 2023-2024. A eleição que definiu a próxima Mesa Diretora da Casa aconteceu nesta terça-feira (02) e os escolhidos já foram declarados empossados a partir de 1º de janeiro de 2023. Também foram eleitos os outros cargos da Mesa: para vice-presidente, Vandinho da Padaria (PSDB); Primeiro Secretário, Marcelinho Fávero (PL); e Segundo Secretário, Diogo Lube (PP).

Brás venceu a disputa pela presidência por 17×01, registrada a ausência de Juninho Corrêa (PL). O vereador Léo Camargo (PL), também candidato à presidência, recebeu apenas o próprio voto. O resultado da eleição para o cargo de vice foi de 15 votos favoráveis a Vandinho da Padaria e três abstenções – Leo Camargo, Mestre Gelinho (PSDB) e Ary Corrêa (Patriotas) – registrada a ausência de Juninho Corrêa.

Para a Primeira Secretaria, Marcelinho obteve 16 votos e três abstenções – Mestre Gelinho, Juninho Corrêa e Ary Corrêa. Já para a Segunda Secretaria, Diogo foi eleito com quinze votos e quatro abstenções (Mestre Gelinho, Juninho Corrêa, Léo Camargo e Ary Corrêa).

Outros cargos para o próximo biênio também foram definidos na primeira sessão do semestre. Alexandre de Itaoca (PSB) foi eleito Ouvidor Legislativo; Rodrigo Sandi (Podemos) será o Ouvidor Racial; e Arildo Boleba (PDT) vai comandar a Ouvidoria das Mulheres. O corregedor será Marcelinho Fávero.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Cooperativas de transporte escolar pedem reajuste
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Política

Ales tem mutirão contra enfisema pulmonar

Publicados

em

Durante o inverno, aumentam os casos de doenças respiratórias, inclusive aquelas que atingem os pulmões, por causa do resfriamento da temperatura ambiente e da umidade do ar. A Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC), mais conhecida como enfisema pulmonar, é uma das mais perigosas e nesse período tende a registrar maior incidência entre a população. Para diagnosticar essa e outras doenças, foi realizado o Mutirão da Espirometria nesta quarta-feira (10), no andar térreo da Assembleia Legislativa (Ales). A iniciativa foi do deputado Doutor Hércules (Patri). 

A espirometria é um método de prova de função pulmonar. Um aparelho introduzido na boca avalia o fluxo e a quantidade de ar, medindo a capacidade respiratória dos pulmões da pessoa, através da inspiração profunda e sopro durante seis segundos. 

Para o deputado, esse tipo de mutirão deveria se estender para todo o estado. “A intenção de trazer essa cabine é pra fazer um rastreamento para atender a população que não tem acesso a esse tipo de equipamento”, explicou. 

Para o teste de sopro, foi utilizada uma cabine, o aparelho para medir o índice respiratório, um computador com programa próprio para definir o diagnóstico do paciente, além de profissional para realizar o exame. O paciente recebe um relatório com o diagnóstico e, caso esteja com deficiência respiratória, é orientado a procurar um especialista.

Leia Também:  Prefeitura de Cachoeiro lança cadastro virtual de artistas e organizações culturais nesta terça (7)

O dispositivo foi criado pela farmacêutica Boehringer Ingelheim e tem aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).
 

Fonte: Assembléia Legislativa do ES

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA