Economia

Bolsonaro sanciona socorro a estados e municípios e amplia RRF para dez anos

Publicados

em


source
jair bolsonaro
Carolina Antunes/PR

Presidente Jair Bolsonaro sancionou socorro a estados e municípios e ampliou RRF para 10 anos

O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta quarta-feira (13) o projeto de lei com um pacote de medidas de socorro a estados e municípios . Entre os pontos da proposta, está a alteração das regras do Regime de Recuperação Fiscal (RRF), que concede alívio no pagamento de dívidas com a União.

O texto foi publicado na edição desta quinta-feira (14) do Diário Oficial da União . Em comunicado, o Palácio do Planalto afirmou que Bolsonaro vetou trechos da proposta.

Um dos trechos vetados previa que a União suspenderia em 2021 a cobrança da compensação que normalmente ocorre quando estados deixam de honrar dívidas com instituições financeiras. O benefício só não seria válido para entes com baixa capacidade de pagamento, de acordo com a classificação do Tesouro Nacional.

No comunicado, o Planalto afirmou que a medida contraria o dispositivo constitucional que proíbe a criação de gastos não previstos no Orçamento, além de representar um risco para o equilíbrio das contas públicas.

Leia Também:  Eastern adia início dos voos para Belo Horizonte

Novos estados no RRF

Negociado com o governo, o texto de autoria do deputado Pedro Paulo (DEM-RJ) — hoje secretário municipal de Fazenda do Rio — aumenta de seis para dez anos o prazo do RRF , que prevê alívio no pagamento da dívida para governos locais que se comprometam a ajustar as contas públicas.

Perdeu? Mostramos de Novo

A mudança no RRF beneficia o Rio, a única unidade da federação a aderir ao programa. Pelas regras originais, o programa tem duração máxima de seis anos — três anos, prorrogáveis por mais três.

A primeira metade desse prazo original terminou em setembro do ano passado, mas o estado do Rio segue beneficiado pelo programa graças a uma liminar concedida no fim de dezembro pelo presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux .

Com a lei sancionada, a expectativa é que o governo fluminense retome as negociações para ingressar no programa reformulado. Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Goiás também têm interesse em aderir à medida.

Em outra frente, a proposta flexibiliza as regras para estados que descumpriram o teto de gastos (que restringe o aumento das despesas públicas) imposto como contrapartida a uma renegociação da dívida firmada em 2016.

O projeto foi aprovado no dia 15 de dezembro por 381 votos a 57 na Câmara. Cinco deputados se abstiveram. A proposta foi aprovada no mesmo dia pelo Senado, em uma sessão realizada por volta das 23h.

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

LATAM começa amanhã transporte de vacinas contra a Covid-19

Publicados

em


source

Contato Radar

undefined
Gabriel Araújo

LATAM começa amanhã transporte de vacinas contra a Covid-19

Da mesma forma que a GOL , a LATAM também iniciará o transporte gratuito de vacinas para combate à Covid-19 amanhã (18).

De acordo com a companhia, serão 513 caixas (que equivalem a 15 toneladas de vacinas) distribuídas para os estados da Bahia, Maranhão, Mato Grosso, Pará, Paraíba e Pernambuco.

Esteja informado: clique aqui e leia mais notícias de aviação!

Você viu?

A LATAM informa que tem, por meio de suas aeronaves da família Airbus A320, a capacidade de levar até 800.000 doses do imunizante, considerando que este número pode variar de acordo com o tipo da vacina a ser transportada.

O post LATAM começa amanhã transporte de vacinas contra a Covid-19 apareceu primeiro em Contato Radar – Notícias de aviação .

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Mega-Sena não tem ganhadores e prêmio vai a 17 milhões para o próximo sorteio
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA