Economia

Bolsonaro ainda quer substituir o Bolsa Família e pensa novo programa social

Publicados

em


source

Brasil Econômico

Guedes
Marcos Corrêa/PR

Mesmo após Bolsonaro anular o Renda Brasil de Guedes, presidente acredita que o Bolsa Família seja muito atrelado à esquerda

Mesmo após o presidente Jair Bolsonaro ter  anulado o Renda Brasil do ministro Paulo Guedes na terça-feira (15), o presidente não desistiu da ideia de criar um novo programa social. Isso porque o goveno Bolsonaro acredita que o Bolsa Família seja muito atrelado à esquerda. A informação foi obtida pelo portal G1, publicada pela coluna da jornalista Andréia Sadi.

O projeto é pensado também para favorecer Bolsonaro nas eleições de 2022.

Segundo fontes ouvidas pela jornalista, o governo conversa com senadores aliados para pensar no novo programa social para substituir o Bolsa Família.

Assessores do presidente afirmaram que está sendo estudada a maneira de bancar os custos do programa e que o senador Marcio Bittar (MDB-AC) atua nessa articulação. Bittar se reuniu nesta tarde com o presidente Bolsonaro.

Leia Também:  Apesar de congelamento salarial, 162 mil funcionários públicos terão aumento

“Eu fui solicitar ao presidente se ele me autorizava a colocar dentro do Orçamento a criação de um programa social que possa atender milhões de brasileiros que foram identificados ao longo da pandemia e que estavam fora de qualquer programa social. O presidente me autorizou. Não adianta agora a gente especular de onde vai tirar (o dinheiro), de onde que vai cortar. Mas eu estou autorizado pelo presidente, ele me deu sinal verde “, disse o senador ao GloboNews.

Bittar também demonstrou que há uma certa pressa em encaminhar essa proposta. “A partir de agora, vou conversar com os líderes do governo no Senado e na Câmara, e com a equipe econômica. Mas a ideia é semana que vem apresentar um relatório e as PECs de criação desse programa”, afirmou.

O governo Bolsonaro tem dado mais atenção à pauta das políticas sociais depois de ver sua popularidade crescer com a distribuição do auxílio emergencial de R$ 600 à população durante a pandemia. Nesse cenário, criar um novo Bolsa Família é importante ao presidente.

Leia Também:  Auxílio: mulher pede os mil dólares na Justiça após fala de Bolsonaro

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Economia

Auxílio de R$ 300: Governo deve divulgar calendário nesta segunda (28)

Publicados

em

 

 

source

Brasil Econômico

onyx
Marcello Casal Jr/Agência Brasil

O ministro da Cidadania, Onyx Lorenxzoni, disse que calendário do auxílio de R$ 300 seria divulgado até esta segunda

O governo deve divulgar nesta segunda-feira (28) o  calendário do auxílio emergencial de R$ 300. Até agora, apenas o público do Bolsa Família teve acesso às datas de pagamentos da prorrogação. A expectativa é que nesta segunda, as datas para o resto do público inscrito no auxílio sejam disponibilizadas pelo Ministério da Cidadania.

Quem definiu a data de divulgação do calendário do auxílio de R$ 300 foi o ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni. “A gente pretende, no máximo até segunda-feira, fazer a publicação (do calendário)”, disse Lorenzoni na quinta-feira (24), disse em uma reunião em Palmas, no Tocantins.

Leia Também:  Fome deve ser combatida com renda básica e imposto sobre riqueza, diz economista

Sobre a diferença entre a divulgação do calendário de pagamentos do auxílio, que acontece primeiro para os beneficiários do Bolsa Família, o ministro disse que “desde o início a gente sempre manteve o cronograma do Bolsa Família, porque são 14 milhões e 274 mil famílias que são as famílias mais vulneráveis do Brasil”.

Nem todos os beneficiários do auxílio emergencial receberão todas as parcelas. O programa será interrompido em dezembro. Assim,  apenas os beneficiários que começaram a receber o auxílio em abril receberão todas as partes da renda emergencial.

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA