Pet

Atriz de The Big Bang Theory adota galo de estimação: ‘Bem-vindo à nova vida’

Publicados

em


source
Kaley Cuoco apresenta o novo pet aos seguidores do Instagram
Reprodução/Instagram

Kaley Cuoco apresenta o novo pet aos seguidores do Instagram

Kaley Cuoco deu as boas-vindas ao mais novo integrante da família há poucos dias, ao adotar um galinho de estimação, o qual ela deu o nome de Mini Cooper, por seu tamanho diminuto – e provável referência ao personagem Sheldon Cooper, de “The Big Bang Theory”.

Nos stories do Instagram ela compartilhou uma selfie com o novo pet e escreveu na legenda: “Bem-vindo à sua nova vida, Mini Coop! Resgatamos um mini galo e estou completamente apaixonada”. Em seguida, a atriz agradeceu ao abrigo e colaboradores que a ajudaram a encontrar o novo pet: “Obrigado @lancasteranimalslaco @pawsforlifek9 e @rita_earl_blackwell por cuidar tão bem dele!”.

A atriz mostrou também os primeiros momentos do galinho na nova casa, já com alguns brinquedos. Rita Blackwell, que trabalha no abrigo Lancester Animal Care Center, de Los Angeles, também compartilhou um vídeo de despedida para o penudinho.

Mini Cooper, o novo galo de estimação da
Reprodução/Instagram

Mini Cooper, o novo galo de estimação da “Penny”, de The Big Bang Theory

“Obrigado Kaley Cuoco, por adotar o menor e mais teimoso galinho que já existiu #seenequalssaved”, escreveu na legenda.


Fonte: IG PET

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Morre Gulliver, primeiro cachorro de William Bonner e Fátima Bernardes
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pet

ONG lamenta morte de seis cachorros por causa de fogos da torcida do Atlético-MG

Publicados

em


source
Seis cachorros morrem por causa de fogos de artifício
Reprodução/Instagram

Seis cachorros morrem por causa de fogos de artifício

Seis cachorros da ONG “Me Adote” faleceram na noite da última quinta-feira durante as comemorações do título do Campeonato Brasileiro do Atlético-MG . Através das redes sociais, as voluntárias do abrigo compartilharam o ocorrido e fizeram um apelo sobre os perigos dos fogos de artifícios para as saúdes dos animais.

“Seis animais mortos e vários em pânico! Fizemos tudo o que estava ao nosso alcance para amenizar o barulho. Mas infelizmente alguns não resistiram. Precisamos de pessoas que olhem pelos animais dentro dessa prefeitura inútil! Já conseguimos muitas assinaturas contra os fogos barulhentos e sequer alguém nos ouviu”, diz uma das publicações da ONG no Instagram.

A ONG funciona na cidade de Diamantina, no interior de Minas Gerais. De acordo com uma das voluntárias, a causa da morte dos seis cachorros foi parada cardíaca:

“O coração deles começa a bater forte e ficam agressivos. Aí ficam convulsionando e depois param. Quando vamos olhar, estão mortos”, disse a estudante Raquel Almeida, ao Extra.

Leia Também

Ela é uma das 11 voluntárias da instituição, que se disponibilizam a abrigar animais de rua em casa até encontrarem um lar adotivo. Atualmente elas cuidam de 120 bichos.

Raquel explica que o uso de fogos de artifício são recorrentes na cidade, e que os cachorros correm perigo não só em comemorações relacionadas a futebol.

A maioria dos cachorros que a gente adota foram abandonado e têm a saúde extremamente frágil. Recentemente, em uma festa religiosa, começaram a soltar fogos desde às 6h da manhã, e nós perdemos três animais. Dessa vez superou”, lamenta ela.

Fonte: IG PET

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA