Política

Atingidos por barragens falam na Tribuna Popular

Publicado em

A Tribuna Popular de segunda-feira (4) recebe dois convidados que vão abordar os impactos e desdobramentos da maior tragédia ambiental do país, o rompimento da barragem de Fundão, da mineradora Samarco, em Mariana (MG), ocorrido em 2015. Prevenção ao suicídio e situação de territórios quilombolas também são pauta na tribuna, que acontece durante a sessão ordinária, transmitida pela TV Assembleia, YouTube e Facebook da Assembleia Legislativa (Ales).

Heider José Boza, representante capixaba do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB), adiantou que vai usar a tribuna para explicar conquistas que foram alcançadas após mobilizações feitas no Espírito Santo e em Minas Gerais. Entre elas as repactuações dos acordos de indenizações decorrentes do rompimento da Barragem de Fundão, que deixou 18 mortos e 1 pessoa desaparecida, além de um rastro de problemas sociais e ambientais.

A lama de rejeitos da barragem, de responsabilidade das empresas Samarco, Vale e BHP Billiton, levou 15 dias para percorrer os mais de 600 quilômetros do Rio Doce, desde o local do rompimento, em Mariana, até o mar, no Espírito Santo.

Convidado da deputada Iriny Lopes (PT), ele cita que houve a suspensão da quitação das indenizações de forma geral (não individualizadas) e a retomada do pagamento do auxílio financeiro emergencial a uma parte dos pescadores. Na avaliação de Boza, isso abre precedente para que seja pago aos demais profissionais da pesca que tiveram prejuízos com a tragédia.

Ainda na temática do desastre de Mariana, a Tribuna Popular vai abrir espaço para a fala de Carlos Roberto Alves Belônia. Ele deve avaliar se houve avanços nas reparações dos prejuízos humanos, materiais, ambientais e sociais decorrentes do desabamento da barragem. O requerimento de participação partiu do deputado Vandinho Leite (PSDB).

Leia Também:  PSB realiza seminário, neste sábado (12), em Cachoeiro

Prevenção ao suicídio

A prevenção ao suicídio também é pauta na Tribuna Popular. O assunto será abordado em palestra do pastor evangélico Gilberto da Costa Neves, indicado pelo presidente da Casa, deputado Erick Musso (Republicanos).

Idealizador do projeto “Ônibus do Abraço”, serviço realizado por meio de aconselhamento, baseado em princípios bíblicos, feito por meio de atendimentos em um ônibus que dispõe de cabines onde pessoas, principalmente estudantes, podem desabafar seus problemas emocionais.

João Victtor Cabral Dias, colaborador do projeto, conta que a equipe de conselheiros atende nas escolas pessoas com transtornos emocionais, entre eles depressão e síndrome do pânico, e que potencialmente possam receber conforto na prevenção ao suicídio. “Nosso diálogo é baseado no conteúdo bíblico para aqueles que estão passando por momentos difíceis do ponto de vista mental e emocional, alguns pensando até em acabar com a própria vida”, explica.

Abuso

João Victtor relata que há registros de casos que acabam sendo descobertos nessas conversas mantidas nos aconselhamentos; em uma delas, por exemplo, uma aluna revelou que estava sendo abusada sexualmente por um professor. “O caso foi levado para a polícia que instaurou um inquérito; a estudante foi encaminhada para tratamento psicológico”, conta.

Leia Também:  Casteglione defende emendas do Marco Regulatório da Mineração

O colaborador do projeto acrescenta que, no momento, esse trabalho tem sido focado basicamente no município de São Mateus, pois ainda não há verba para alcançar escolas de outras cidades. “Já atendemos cerca de 400 alunos e alunas que estão necessitando de um auxílio religioso com base nos princípios cristãos, e não vinculado a lideranças de uma igreja específica”, pontua.

Quilombolas

Outro convidado para a Tribuna Popular é Samuel Gentil Muniz Batista. O tema abordado diz respeito a terras devolutas e de quilombolas e a suposta legitimação fraudulenta, por compra e venda, em favor da Suzano, anuladas pela Justiça Federal. O convidado foi indicado pelo deputado Torino Marques (PTB).

Tribuna Popular

A Tribuna Popular acontece toda primeira segunda-feira de cada mês durante a fase do Grande Expediente da sessão ordinária. Na ocasião, os convidados têm a oportunidade de divulgar e debater, no plenário, assuntos de interesse social. O tema a ser abordado é definido pelo cidadão ou representante da sociedade civil, mas o assunto tem de ser de interesse público, e não particular.

Para ter direito a participar, o orador precisa ser indicado por um deputado, que solicita à Mesa Diretora autorização para ocupar o espaço no mês. Cada parlamentar pode fazer um requerimento por sessão. Já o cidadão pode participar uma vez por semestre. Não é permitido a quem exerce cargo eletivo fazer uso da Tribuna Popular.

Fonte: Assembléia Legislativa do ES

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Cidades

Prefeito de Marataízes exonera quatro secretários municipais e mais 15 comissionados

Published

on

O prefeito em exercício de Marataízes, Jaiminho Machado, exonerou, em uma canetada só, quatro secretários municipais.

A lista foi publicada no diário oficial desta sexta-feira (12).

Além deles, consta na lista João Antonio Neto, o Joãozinho, gerente de gestão, que estava lotado no gabinete e também já exerceu cargo em primeiro escalão.

Em importância menor dentro da escala administrativa, também foram exoneradas outras 15 pessoas, entre diretores e outros.

Todos os nomes exonerados foram nomeados pelo então prefeito afastado Tininho Batista e eram colaboradores desde o seu primeiro mandato como prefeito.

Um dos secretários exonerados é Robson Abreu Silva que respondia por três secretarias.

Confira os secretários exonerados:

ANDERSON GOUVEIA DE OLIVEIRA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE DEFESA SOCIAL E SEGURANÇA PATRIMONIAL

ROBSON SEYR – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE ESPORTE E LAZER

ANTÔNIO CARLOS SADER SANT’ANNA –  SECRETÁRIO MUNICIPAL DE MEIO AMBIENTE

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE PESCA E AQUICULTURA

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE INFRAESTRUTURA DE INTERIOR

Leia Também:  Casteglione defende emendas do Marco Regulatório da Mineração

ROBSON ABREU SILVA – SECRETÁRIO MUNICIPAL DE AGRICULTURA, AGROPECUÁRIA E ABASTECIMENTO

JOÃO ANTONIO NETO – GERENTE DE GESTÃO ADMINISTRATIVA

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA