Tecnologia

Anatel apreende 5,7 mil produtos clandestinos em armazéns da Amazon

Publicado em

source
Operação da Anatel em galpões da Amazon
Redação 1Bilhão Educação Financeira

Operação da Anatel em galpões da Amazon

A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) informou nesta sexta-feira (24) ter apreendido 5,7 mil produtos para telecomunicações não homologados nos armazéns e centros de distribuição da plataforma de vendas online Amazon nas cidades de Betim (MG) e Cajamar (SP).

Foram três dias da fiscalização iniciada terça-feira passada. Foram fiscalizados, pelos agentes da Anatel, 67 mil equipamentos.

A Superintendência de Fiscalização da Agência avalia que os equipamentos apreendidos, caso fossem comercializados, valeriam aproximadamente R$ 500 mil.

Entre os produtos identificados sem conter a homologação obrigatória da Anatel, destacam-se carregadores de celulares, baterias portáteis e fones de ouvido sem fio. A homologação é um registro que garante ao consumidor que o produto atende as normas de qualidade e de segurança estabelecidas no país e é obrigatória para produtos que emitem radiofrequência e pode ser exigida para equipamentos relacionados a esses.

Para o consumidor saber se o equipamento é homologado pela Anatel, deve verificar se o selo de homologação está presente no produto, no manual ou na caixa, bem como consultar no portal da agência.

O conselheiro da Anatel, Moisés Moreira, e o superintendente de Fiscalização, Hermano Tercius, coordenaram a ação da Agência na Amazon. Segundo Moreira, disse em nota, “a Anatel tem trabalhado constantemente junto aos marketplaces para a bloquear a publicação de anúncios de produtos irregulares”.

Ele ressaltou que “a Amazon cooperou plenamente com os agentes de fiscalização, propiciando a devida identificação e verificação dos produtos comercializados pelos seus diversos vendedores”.

Para Tercius, “uma ação de fiscalização como essa propicia segurança ao consumidor ao garantir a aquisição de produtos de telecomunicações de qualidade comprovada e que não coloquem em risco a integridade física do consumidor e de sua família”.

Essa é a segunda grande ação de fiscalização presencial da Anatel em centros de distribuição de redes varejistas online. Para a fiscalização, foi necessária a presença de 16 fiscais da agência nos armazéns da Amazon. A Anatel também contou com o apoio da Divisão de Repreensão ao Contrabando e Descaminho da Receita Federal do Brasil em São Paulo (Direp), além do suporte da Procuradoria Federal Especializada junto à Anatel (PFE-Anatel).

Leia Também:  Roteador da Starlink é liberado pela Anatel e pode ser usado no Brasil

A Anatel ressalta que, ao adquirir um produto não homologado, o consumidor não tem a garantia de assistência técnica em caso de defeito, nem, por exemplo, a garantia de que aquele equipamento não ocasionará um acidente doméstico.

“Se o consumidor adquirir um produto irregular, recomenda-se que devolva ou troque o produto com o vendedor. Em caso de insucesso, pode-se entrar em contato com os órgãos de defesa ao consumidor e registrar uma denúncia nos canais de atendimento da Anatel”, afirma nota do órgão

A atividade de fiscalização da Anatel na Amazon integra o Plano de Ação de Combate à Pirataria (PACP) da Agência. Desde 2018, as ações de fiscalização da Agência em conjunto com outros órgãos já retiraram do mercado cerca de 4,6 milhões de produtos irregulares com valor total estimado em R$ 500 milhões.

COMENTE ABAIXO:
Advertisement
Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Tecnologia

iPhone 14 deverá manter armazenamento base de 128GB, segundo analista

Published

on

 

Sucessor do iPhone 13 Pro (foto) deve ser anunciado com opções diferentes de armazenamento
Bruno Ignacio

Sucessor do iPhone 13 Pro (foto) deve ser anunciado com opções diferentes de armazenamento

Com a iminente chegada do iPhone 14, o hype de muitos surge lado a lado de especulações. A informação mais recente vem diretamente de Jeff Pu, analista da Haitong International Securities. Ele acredita que os modelos Pro do smartphone da Apple serão lançados com um armazenamento a partir de 128GB. Isso vem em contraste com o que foi sugerido pela empresa de pesquisas TrendForce, cuja previsão é de opções iniciais com 256GB.

De acordo com o que disse em uma nota para investidores, Jeff Pu crê que o novo modelo Pro do iPhone 14 terá capacidades de armazenamentos parecidas com o que foi visto no 13. Ou seja, 128GB, 256GB, 512GB e 1TB.

Entre no  canal do Brasil Econômico no Telegram e fique por dentro de todas as notícias do dia. Siga também o  perfil geral do Portal iG 

“Com base em nossa recente pesquisa da cadeia de suprimentos, mantemos nosso plano de build do iPhone 14 para ser 91m em 2S22, contra os 84m do iPhone 13 em 2S21, pois não há nenhum problema significativo na cadeia de suprimentos. O próximo item a focar será o preço do iPhone 14 e o tempo de espera quando chegar ao mercado. Em termos de especificações, adicionamos 128GB de armazenamento à linha Pro”, disse Jeff Pu.

Leia Também:  Rei do Android: Xiaomi 12S Ultra é lançado com câmera poderosa

Além disso, vale apontar que opiniões recentes do analista Ming-Chi Kuo, sugerem que o iPhone 14 Pro e 14 Pro Max podem ser os únicos a receber o novo chip da Apple . Assim, o aguardado Apple A16 não daria as caras nos modelos intermediários do smartphone, como o iPhone 14 e 14 Max, que ficariam com o A15.

A previsão é que os celulares cheguem às lojas em setembro, mas ainda falta aquela confirmação oficial da empresa da maçã.

iPhone 14 e suas possíveis novidades

Aos poucos, mais rumores e possibilidades surgem sobre a próxima linha de smartphones da Apple. Em março desse ano, por exemplo, foram descobertos  desenhos industriais que sugerem o adeus ao famoso notch. Algo já usado por empresas como a Samsung e a Xiaomi.

Outro ponto de destaque seria a utilização do always-on display no sucessor do iPhone 13 . Uma função aguardada pelos entusiastas, mas que pode chegar exclusivamente aos modelos mais caros do telefone. Esse recurso permite que alguns dados considerados importantes como hora e notificações estejam sempre a mostra, mesmo com a tela desligada.

Por último, em junho, Ming-Chi Kuo relatou em sua página do Medium, que o iPhone 14 deverá ter uma câmera frontal mais competente com foco automático. Tudo  trabalhado em conjunto com a Sony e a LG , segundo o analista.

Você está animado para os novos smartphones da Apple?

Com informações:  MacRumors.

Fonte: IG TECNOLOGIA

COMENTE ABAIXO:
Continue Reading

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA