Carros e Motos

Adria prepara para lançar o motorhome Supersonic na Europa

Publicados

em


Adria Supersonic: motorhome de luxo feito com chassi da Mercedes-Benz, com todo conforto para endinheirados
Divulgaçãoc

Adria Supersonic: motorhome de luxo feito com chassi da Mercedes-Benz, com todo conforto para endinheirados

Fundada em 1965, a Adria é uma empresa Eslovênia especializada em design de interiores de casas móveis inspirado nos melhores acabamentos encontrados em super iates e superesportivos de luxo.

O Supersoni c que ilustra a matéria é um exemplo de casa sobre rodas de tudo o que é definido como luxo.  Trata-se da máquina mais recente que eles oferecem aos clientes endinheirados e que está  previsto para ser colocado à venda em setembro de 2022, será acompanhado por um preço inicial de 140.000 euros (R$ 773.262 nas taxas de câmbio atuais).

Apesar de parecer um exagero para muitos, o Supersonic é um investimento de nicho, voltado para pessoas com espírito aventureiro e que certamente essa quantia não faz nem cócegas em sua polpuda carteira.

O veículo traz como características longas linhas fluidas e vidros escurecidos, bem parecidas às vistas em iates, além de painéis externos da nova era e um motor e chassi Mercedes-Benz cuidando do aspecto automotivo. Aliás, o motor é um diesel Euro 6 de 2,0 litros e 170 cv da Mercedes , acoplado ao câmbio automático 9G-Tronic. 

Agora, existem quatro plantas baixas disponíveis para este motorhome . O melhor de tudo, dois modelos podem acomodar quatro pessoas, enquanto os outros dois, até cinco convidados. Além de um exterior elegante e vistoso, é o interior que mais interessa.

Leia Também:  Avaliamos os lenços para limpeza de vidros anti-embaçantes Rain X

Falando nisso, no Supersonic, logo que você entrar, dá de cara a uma área de jantar que inclui o assento da cabine, mas também o assento giratório do passageiro e do motorista para permitir que todos os cinco convidados tenham uma experiência gastronômica confortável.

À noite, uma cama suspensa pode ser acessada com o toque de um botão que conta com iluminação integrada embaixo para não atrapalhar o fluxo de atividades enquanto a cama está arrumada.

Atrás da área de jantar, uma cozinha está à espera com todo o equipamento necessário que você possa imaginar. Com um tampo de três bocas, balcão de descarga e muito espaço de armazenamento integrado ao bloco da cozinha, e uma geladeira, montado em frente à cozinha.

Além disso, não poderia faltar o banheiro com chuveiro separado e na parte traseira da unidade com uma estrutura adiciona l que transforma as duas camas de solteiro em uma enorme cama king.

Quatro novos modelos Adria Supersonic Os quatro modelos começam com o Supersonic 780 SL  de 4,5 toneladas e 7,8 m de comprimento , que é uma cama de quatro beliches com quatro assentos de viagem e possui um grande quarto traseiro privativo com duas camas de solteiro, uma grande sala em forma de L com sofá móvel e uma cama de casal overcab.

Leia Também:  Guararema Off Road: aceleramos a Yamaha TT-R 230 na terra

Isto é seguido pelo Supersonic 780 DC , que é outro de quatro camas com sofás cara a cara na sala da frente em vez da sala de jantar e uma grande cama de ilha no quarto traseiro, além de um segundo duplo suspenso acima da cabine . Isso também é avaliado em 4,5 toneladas e tem 7,8 m de comprimento.

O terceiro modelo da nova gama A-class é o Supersonic 890 LL  de quatro beliches, 5,5 toneladas e 8,9 m de comprimento (foto), que apresenta um salão maior em forma de L, um banheiro ‘spa’ e armazenamento extra. No quarto privativo traseiro há duas camas de solteiro e na frente há uma cama suspensa sobre a cabine.

Finalmente, o carro-chefe da linha Supersonic é o novo Supersonic 890 LC de 5,5 toneladas e 8,9 m de comprimento , que apresenta um lounge maior em forma de L, um banheiro ‘spa’ e armazenamento extra. No quarto traseiro há uma grande cama de ilha central, e os outros dois beliches neste modelo de quatro beliches são cortesia da cama de casal suspensa sobre a cabine. 

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Carros e Motos

Veja uma coletânea de histórias envolvendo o Jeep Grand Cherokee

Publicados

em

Jeep Grand Cherokee 2011 sobe no palco do Javits Center, em Nova York (EUA), durante apresentação do modelo
Divulgação

Jeep Grand Cherokee 2011 sobe no palco do Javits Center, em Nova York (EUA), durante apresentação do modelo

A criação da fama de um veículo sempre foi um espetáculo à parte. Fazendo um mergulho em fatos da história do Jeep Grand Cherokee é possível entender porque ele é reconhecido como um poderoso SUV. No ano de 2011, por exemplo, eu pude participar da conferência de lançamento do SUV, totalmente renovado.

O evento foi no Javits Center, um grande e famoso centro de convenção em Manhattan, Nova York. Um exemplar prata do Jeep Grand Cherokee veio rodando e subiu, como um astro, as escadas até o palco.

Foi criada toda uma estrutura para suportar os 2,1 mil kg e o 268 cv do modelo. A subida foi facilmente completada e a proposta foi mostrar indoor o funcionamento da suspensão a ar, das rodas independentes e molas helicoidais.

Leia Também:  Apesar de janeiro fraco, Anfavea prevê  vendas melhores em 2022

Há 44 anos, o nome Cherokee praticamente se tornou uma marca própria. Entretanto, no ano passado, o chefe da Nação Cherokee afirmou que deseja que modelo da Jeep deixe de usar o nome de sua tribo.

A Stellantis , atual dona da marca, afirmou que “o nome foi escolhido cuidadosamente e cultivado durante anos para homenagear o povo nativo americano por sua bravura”.

Outro ponto interessante é que o Grand Cherokee passou sob a direção de grupos distintos. Além da Stellantis, que de quem herdou o nome Jeep, foi administrado pelas marcas Chrysler (montadora original) e Daimler .

Voltando ao presente, a Jeep confirmou que seu próximo lançamento no Brasil será o novo Jeep Grand Cherokee 4xe. Ele tem um sistema híbrido plug-in com uma potência combinada (gasolina e elétrico) de 380 cv e um consumo médio de 23,7 km/l.

Nada mau, mas o preço deve ser superior a R$ 400 mil. Um modelo para poucos mas, com a versão híbrida , representa mais um capítulo da série de histórias do Grand Cherokee .

Leia Também:  Avaliamos os lenços para limpeza de vidros anti-embaçantes Rain X

Fonte: IG CARROS

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA