Estado

Abertas as inscrições para Curso Formação de Agentes em Extensão Agroecológica e Produção Orgânica dos municípios capixabas

Publicados

em


Estão abertas as inscrições para o Curso Formação de Agentes em Extensão Agroecológica e Produção Orgânica dos municípios capixabas. A atividade on-line será realizada nos dias 07, 08 e 09 de dezembro, das 8h às 11h, por meio da plataforma Zoom.

O curso é fruto de uma parceria entre a Secretaria da Agricultura, Abastecimento, Aquicultura e Pesca (Seag), o Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), a Associação dos Municípios do Espírito Santo (Amunes) e o Ministério Público do Estado do Espírito Santo (MPES). O objetivo é realizar um programa de capacitação modular em agroecologia, voltado para técnicos que atuam em ações de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) nos diversos municípios capixabas.

A extensionista e coordenadora de Agroecologia do Incaper, Andressa Alves, explicou que a formação está vinculada ao “Projeto de Estruturação e Fortalecimento da Rede Capixaba de Ater em Agroecologia”, desenvolvido pelo Governo do Estado, em parceria com a Amunes e o MPES. A proposta é ampliar a oferta dos serviços de Ater, estimulando iniciativas agroecológicas por todo o Estado.

Leia Também:  Sesport recebe Copa Sudeste de Handebol neste fim de semana

O coordenador de Projetos da Seag, Luciano Macal Fasolo, lembrou da urgência em buscar novas formas de utilizar os recursos naturais, recentemente destacada pela Conferência das Nações Unidas sobre as Mudanças Climáticas (COP26). “Nos últimos anos, as diversas mudanças no uso do solo, na disponibilidade de água e no manejo da biodiversidade transformaram o meio rural capixaba e isso reforça a necessidade de buscar modelos de agricultura mais sustentáveis”, disse.

“A agroecologia em suas mais diversas modalidades e expressões a cada dia se consolida como um campo fértil para a geração de conhecimentos, tecnologias, práticas e resultados que nos mostram que é possível conciliar, de forma harmônica, a produção de alimentos, matérias-primas, fibras e riqueza, sem, no entanto, comprometer os recursos naturais”, complementou Fasolo.

Acesse o link e se inscreva: https://forms.gle/6yKLjuie6CY7A5m77

Acesso ao curso e aos certificados:

As pessoas inscritas no evento vão receber o link de acesso ao curso, via e-mail, poucos dias antes da programação. Posteriormente, também será enviado o certificado de participação e conclusão do curso.

Leia Também:  Hemoes de Vitória estará fechado neste domingo (05)

Confira a programação completa:

1º Encontro (07/12) – Agroecologia e Ater: Desafios para a Transição Agroecológica.

2º Encontro (08/12) – O Papel do Extensionista na Construção da Agroecologia.

3º Encontro (09/12) – Introdução à Agroecologia e ao Manejo de Agroecossistemas.

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação do Incaper
Andreia Ferreira/ Tatiana Toniato Caus
(27) 3636-9865/(27) 3636-9866
[email protected]
[email protected]

Fonte: Governo ES

COMENTE ABAIXO:
Propaganda
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Estado

Estado Presente: Serra recebe primeiro Centro de Referência das Juventudes (CRJ) em Feu Rosa

Publicados

em


O município da Serra recebeu, neste sábado (04), o primeiro Centro de Referência das Juventudes (CRJ), o CRJ Feu Rosa. A primeira unidade da Serra foi inaugurada pelo governador do Estado, Renato Casagrande. O CRJ Feu Rosa vai atender a juventude da região de Vila Nova e Ourimar. O evento de inauguração contou com a presença de várias autoridades, além de diversas atividades culturais.

O Centro de Referência das Juventudes é uma das principais ações de proteção social do Projeto Estado Presente: Segurança Cidadã e o maior investimento do Governo do Estado nas juventudes. Estão sendo investidos R$ 1,9 milhão no espaço, que vai atender os jovens de 15 a 24 anos que poderão realizar, de forma gratuita, oficinas, cursos, além de usar os espaços para trabalho coletivo. A unidade conta com laboratórios, planos de trabalho e de vida, passeios, entre outros. Serão prestados serviços nas áreas da cultura, lazer, trabalho e direitos humanos.

O equipamento conta ainda com salas humanizadas, internet gratuita, computadores e uma equipe interdisciplinar, que inclui psicólogo, terapeuta ocupacional, educador social e assistente social. Os profissionais estão preparados para atender e acompanhar os jovens conforme as necessidades deles.

“É a terceira vez que eu venho na Serra nos últimos três dias. Estou feliz com o desfecho do ano, mesmo com todos os desafios que tivemos. Conseguimos controlar a pandemia. Estamos terminando com o segundo CRJ inaugurado e o primeiro aqui na Serra. Em breve, vamos inaugurar unidades em Linhares, Colatina e mais um aqui na Serra, em Novo Horizonte. Hoje foi a inauguração oficial, mas o CRJ Feu Rosa já está em funcionamento”, afirmou o governador.

Casagrande lembrou que o governante deve tomar decisões certas no momento certo. “Quando assumi o governo em 2011, o Espírito Santo era o segundo mais violento. Ainda estamos no meio do caminho, mas com a continuidade das políticas públicas nas áreas da segurança pública, vamos levar esse Estado a estar entre os cinco menos violentos. Quando você investe na educação e espaços de integração como este, você dá oportunidades às pessoas. É a educação que vai reduzir a violência, que vai fazer com que os homens respeitem mais as mulheres e que vai diminuir a desigualdade”, pontuou.

A secretária de Estado de Direitos Humanos, Nara Borgo, destacou a importância da iniciativa. “Nossa juventude luta e, junto com esse Governo, está trazendo conquistas históricas. O CRJ é um espaço acolhedor, feito com as juventudes e para as juventudes. Vamos deixar o maior legado de políticas públicas desse Estado com o Plano Estadual das Juventudes, o Fundo Estadual da Juventude e com os CRJs, que vão prestar serviços inéditos no Espírito Santo. Acreditamos e investimos na potência dos jovens capixabas. Por isso, vamos implantar 14 CRJs”, lembrou.

Leia Também:  Parque Estadual da Pedra Azul participa de ação de educação ambiental com escolas da região

Nara Borgo mencionou que a inauguração do CRJ Feu Rosa faz parte da programação da XIII Semana Estadual de Direitos Humanos, que tem como tema “Lula Rocha: Periferia é Resistência e Potência”, em homenagem a Luiz Inácio Silva Rocha, referência na militância dos direitos humanos no Espírito Santo e que faleceu em fevereiro deste ano. “Hoje é dia de festa, de alegria, de sonhos e da entrega de uma luta. Dia de entregar esperança, cultura, e da possibilidade de uma vida melhor para essas juventudes que são potentes e que estão fazendo a revolução”, completou. 

Para o presidente da Agência de Desenvolvimento Social Jovem (Adesjovem), Gabriel Roccon, o CRJ Feu Rosa é um dos maiores projetos em execução da entidade, criada em 2006. “A execução de um CRJ na Serra, em uma das maiores cidades da Região Metropolitana, é uma oportunidade, pois fazemos parte de um programa estadual, o Programa Estado Presente em Defesa da Vida. Para a Adesjovem, integrar esse circuito e participar da constituição das políticas públicas para a juventude é desafiador. Seremos a porta de entrada das demandas da juventude. Este período é muito importante para todos nós”, disse.

“Temos um desafio muito grande no Brasil. Estamos entre as dez maiores economias do mundo, mas também estamos entre as mais desiguais. O papel do poder público é para reduzir as desigualdades. São mais de R$ 200 milhões de investimentos do Governo do Estado na educação da Serra. Esse é o caminho para diminuir a desigualdade. A Serra terá dois CRJs, o daqui e o de Novo Horizonte”, celebrou o prefeito do município, Sérgio Vidigal.

Novos CRJs

Durante a solenidade, o governador Renato Casagrande celebrou o termo de parceria com as Organizações da Sociedade Civil (OSCs) Instituto Brasil de Cultura e Arte (IBCA), Instituto Ellos de Inclusão Social, Associação Amigos da Justiça, Cidadania, Educação e Arte e Instituto de Promoção Humana, Aprendizagem e Cultura (Promover), definidas, após seleção pública da Secretaria de Direitos Humanos (SEDH), para gerir os CRJ de Guarapari, Cachoeiro de Itapemirim, Aracruz, Colatina e Linhares, respectivamente.

Leia Também:  Governo do Estado inaugura obras e assina novos convênios em Santa Maria de Jetibá

Em breve, será iniciado o trabalho de mobilização das juventudes dessas cidades para a implantação dos CRJs nos locais de maior vulnerabilidade social já mapeados no Programa Estado Presente.

A gerente de Políticas para as Juventudes da SEDH, Fabrícia Barbosa, destacou as políticas voltadas para este público. “Entregamos o Plano Estadual de Políticas para as Juventudes, que é um documento importante para que possamos garantir equipamentos como os CRJs. Hoje temos recursos garantidos para implantar 14 unidades, que serão capazes de transformar muitas vidas”, declarou.  

Também estiveram presentes a vice-governadora do Estado, Jacqueline Moraes; os secretários de Estado, Álvaro Duboc (Economia e Planejamento), Vitor de Angelo (Educação) e Júnior Abreu (Esportes e Lazer); os deputados estaduais Alexandre Xambinho e Bruno Lamas; além de vereadores e lideranças da região.

Estado Presente

A implantação de CRJs nos dez municípios atendidos pelo Estado Presente integra os 37 projetos do eixo de Proteção Social. Ao todo, serão implantados 14 CRJs nos municípios de Vitória, Vila Velha, Serra, Cariacica, Guarapari, Linhares, São Mateus, Colatina, Cachoeiro de Itapemirim e Aracruz. A previsão é de que eles estejam funcionando até 2022. O investimento neste projeto é de R$ 32,3 milhões.

O CRJ Feu Rosa é o segundo em funcionamento. O primeiro a ser inaugurado foi o CRJ Terra Vermelha, em Vila Velha, em setembro deste ano.

O Projeto Estado Presente: Segurança Cidadã é uma iniciativa do Governo do Espírito Santo, que conta com financiamento do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), para a implementação de ações de prevenção e combate à violência. O objetivo é contribuir para a redução dos elevados índices de crimes violentos (homicídios e roubos) entre jovens de 15 a 24 anos, nas regiões de maior vulnerabilidade social e, historicamente, mais atingidas pela violência.

Serviço: 
Centro de Referência das Juventudes (CRJ) Feu Rosa
Funcionamento: de segunda-feira a sexta-feira, das 9h às 21h. Atividades extras no sábado.
Local: Rua dos Cravos, s/nº, Feu Rosa, Serra (em frente ao Supermercado Extrabom).

Informações à Imprensa:
Assessoria de Comunicação do Governo
Giovani Pagotto
(27) 98895-0843

Assessoria de Comunicação da SEDH
Juliana Borges
(27) 3636-1334
[email protected]

Assessoria de Comunicação do Projeto Estado Presente: Segurança Cidadã no ES
Danielly Campos
(27) 3636-1330 / 99231-5186
[email protected]

Fonte: Governo ES

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

BLOG DO ILAURO

POLÍTICA

POLÍTICA NACIONAL

ECONOMIA

CIDADES

BLOG DO ILAURO

MAIS LIDAS DA SEMANA